Raul Seixas Azul?
julho 16, 2013  /  By:   /  Gente de Brasília, Uncategorized  /  1 comment

Para os filhos ele é um herói com identidade secreta, Amarildo Alves sai de casa cedo para se transformar em Raul Seixas Azul. Diz que a idéia de fazer o trabalho de estátua-humana veio quando morava na Espanha, ajudava um amigo com o figurino mas não tinha coragem de se fazer de estátua ainda. No vídeo acima Amarildo explica os detalhes e fala sobre como é fazer arte de rua em Brasília.

 

Com o tempo percebeu que ganharia mais do que trabalhando na construção e,  ainda em Barcelona, começou a fazer a estátua de Salvador Dalí. Quando voltou ao Brasil resolveu arriscar e fazer arte nas ruas daqui. Começou fazendo um outro personagem, mas como todos falavam de sua semelhança com Raul Seixas resolveu investir nesta idéia.

“Na rua tem muita gente fazendo arte, mais por necessidade mesmo, nem tanto pela arte.”

Codinome R.A.P.I.N.A. (Recrutas Amestrados Pseudo-Independentes à Serviço da Nação): Um dos motivos para Amarildo passar o seu chapéu pelos semáforos é para juntar dinheiro e comprar instrumentos para sua banda, a Codinome RAPINA.  É uma banda de Rock com pitadas de música brasileira e hardcore e com alguns momentos de humor e sátiras. Abaixo você pode ouvir duas músicas, uma delas é “Música da Xuxa II” (que é a mais ouvida no site da banda), e outra canção que cita o próprio Raul Seixas.

Codinome Rapina – Música da Xuxa II

Codinome Rapina – seres extraterrestres demoram muito a atender o chamado do mestre 

“Nós viemos aqui para procurar Raul Seixas mas ele já foi-se embora e nada mais faz sentido porque não tem mais rock por aqui…” (Seres extraterrestres demoram muito a atender o chamado do mestre)

Você pode conferir outras músicas da lista na página da Codinome RAPINA

www.palcomp3.com/rapina

 

TODO HOMEM E TODA MULHER É UMA ESTRELA!  – Frases de Raul Seixas

 

 

O rockeiro Raul Seixas foi inspiração para muita gente, e também para Amarildo, tanto na sua arte de rua como na sua música. Para ele e para todos seguem pensamentos do Raul!

 

 

  • “Só há amor quando não existe nenhuma autoridade.”
  • “Um sonho que se sonha só, é só um sonho que se sonha só, mas sonho que se sonha junto é realidade.”
  • “Deus tem mais de mil nomes: Dinheiro, ídolos, gurus, carro, cigarro, drogas, o Salvador, livros, desejos insatisfeitos, sexo neurótico, status, sonhos, muletas, casa, hobbies, cinema, TV, rádio e a pergunta POR QUÊ?”
  • “A formiga é pequena, mas elas são um exército quando juntas.”
  • “Há Homens que nascem póstumos.”
  • “Quando lhe jurei meu amor, eu traí a mim mesmo…”
  • “Quero dizer agora o oposto do que eu disse antes.”
  • “Eu prefiro ser essa metamorfose ambulante, do que ter aquela velha opinião formada sobre tudo…”
  • “Antes de ler o livro que o guru lhe deu, você tem que escrever o seu.”
  • “De que o mel é doce é coisa que eu me nego a afirmar, mas que parece doce eu afirmo plenamente”
  • “A arte de ser louco é jamais cometer a loucura de ser um sujeito normal.”
  • “O sonho do careta é a realidade do maluco.”
  • “Quem não tem colírio usa óculos escuros.”
  • “Ninguém morre, as pessoas despertam do sonho da vida.”
  • “Quero a certeza dos loucos que brilham. Pois se o louco persistir na sua loucura, acabará sábio.”
Sobre o autor :

Comunicadora, redatora, radialista, palestrante motivacional.

Comentários no Facebook

Escreva um comentário